Uma Introdução à Sexualidade Humana

Uma Introdução à Sexualidade Humana

Muitas pessoas acham que ao falar de sexualidade estamos falando de sexo, mas é importante entender que sexo se refere a definição dos órgão genitais, masculino ou feminino, ou também pode ser compreendido como uma relação sexual, enquanto que o conceito de sexualidade está ligado a tudo aquilo que somos capazes de sentir e expressar. Ou seja, requer um longo e interessante debate.

 

Mesmo com maior acesso à informação, a sexualidade ainda carrega muitos tabus na sociedade.

 

Questões como a virgindade, a diminuição do desejo e dificuldades para atingir o orgasmo ainda enfrentam barreiras em suas discussões.

 

Quando olhamos para o sexo de forma mais aberta, isso passa a nos transformar, permitindo que possamos viver cada vez mais uma sexualidade saudável, responsável e prazerosa.

 

É comum observarmos pacientes com queixas de disfunções sexuais (ejaculação rápida, disfunção erétil, baixa de libido, etc.),  que o problema não se restringe às relações sexuais, mas a questões muito anteriores a isso. Questões emocionais e sócio-culturais interferem diretamente na sexualidade, e na maioria dos casos são o foco do problema.

 

A Fisioterapeuta Pélvica, Daniele Varela, nos traz uma breve contribuição sobre o assunto: “A sexualidade é uma energia que motiva a encontrar o amor, o contato, a ternura e a intimidade.

 


Hot Pepper Sex Shop

Ela influencia no modo que nos sentimos, movemos, tocamos e somos tocados, portanto na saúde física, emocional e mental.

 

Nela temos as fases: fase do desejo sexual (assemelha-se ao apetite), tumescência peniana e lubrificacão vaginal, a fase da excitação (ocorre uma vasocongestão, acúmulo de sangue nos vasos sanguíneos dos órgãos genitais em ambos os sexos), aumento da tensão muscular, ritmo cardíaco etc…

 

O orgasmo é uma sensação intensa do prazer, acompanhada de uma série de reações fisiológicas, aumento do ritmo da respiração, dos batimentos cardíacos e contrações rítmicas dos músculos do assoalho pélvico. E por último a fase de resolução ocorre a recuperação do estado normal antes da excitação em ambos sexos. E o melhor, as mulheres através de carícias e estímulos poderão estar, novamente, em condições físicas para ter o orgasmo.

 

O homem precisa de um tempinho para ter uma nova ereção.

 

Lembrando que a qualidade de vida sexual de mulheres e homens está relacionada com a forma de como seu corpo responde aos estímulos. Os fatores que intervêm nas respostas são vários e estão interligados determinando as disfunções sexuais femininas e masculinas.”

 

Dúvidas relacionadas à sexualidade? Envie nos comentários e responderemos 😉

 

Em função de ser um tema muito abrangente, trataremos ainda muito sobre ele em nossas publicações. Fique ligado!

 

Comentários

Deixe um comentário