Vamos Falar Sobre Bissexualidade?

Bissexualidade é o estado no qual a orientação sexual de uma pessoa faz com que ela se sinta atraída tanto por pessoas do seu mesmo sexo, como por aqueles do sexo oposto.

Porém, tanto a comunidade gay quanto a heterossexual tendem a discriminar, ou rejeitar, mais intensamente, homens e mulheres bissexuais.

O mais importante é debater e falar, trazer o assunto, e falar sobre ele como outro qualquer. Então… Vamos falar sobre bissexualidade?

 

Bissexualidade é o B da sigla LGBT, mas das orientações sexuais minoritárias ela é a menos discutida e problematizada, o que dá a ideia de que a comunidade bissexual é escassa, desorganizada e virtualmente inexistente.

 

Vamos falar sobre bissexualidade?

 

Como funciona a bissexualidade?
A Bissexualidade é identidade de gênero na qual a mulher (biologicamente falando) se sente psicologicamente mulher mas terá atração e desejo por homens e mulheres, o homem (biologicamente falando) se sente psicologicamente homem, mas terá atração por homens e mulheres.

 

A sexualidade do bissexual no dia-a-dia
A bissexualidade pode ocorrer em se sentir de forma igual essa atração, como pode ser vivida com uma vida sexual mais frequentemente heterossexual e com relações homo – ocasionais – ou mais que ocasionais. Também pode ocorrer com uma vida sexual mais frequentemente homossexual e com relações hetero – ocasionais – ou mais que ocasionais.

 

O que determina a atração sexual?
Uma outra questão importante é a orientação afetivo-sexual, que faz parte da identidade sexual e também tem a influência de fatores que são bio psicossociais. Essa orientação afetivo-sexual diz respeito a sensação interna que cada pessoa tem de ser capaz de se relacionar amorosa e/ou sexualmente com alguém. É ela que vai determinar a sua atração sexual.

 

Se essa atração ocorrer por alguém de sexo igual ao seu – será uma atração homossexual, se a atração sexual for por alguém de sexo diferente do seu – será uma atração heterossexual, ou ainda se a atração sexual ocorrer tanto pelo sexo feminino como pelo masculino – será uma atração bissexual.

Não se sabe exatamente como essa orientação – inclinação – sexual se define, mas o mais importante é deixar claro que a orientação sexual não é uma opção pessoal. Também não é uma imaturidade sexual, nem uma ‘safadeza’ e sim uma orientação desenvolvida com influências psicossociais e biológicas que ainda não se sabe ao certo o quanto podem interferir nessa orientação.

 

Comentários