Sexo na Copa: liberar ou não liberar?

Sexo na Copa: liberar ou não liberar?

Esse é um assunto que sempre gera polêmica em tempos de Copa do Mundo: liberar o sexo para os jogadores da seleção ou não?

Sexo é bom e todo mundo gosta, certo! Mas para alguns técnicos, que comandam as seleções participantes, sexo durante a competição pode ser um elemento de distração durante o torneio.

No início do mês, o técnico Tite anunciou que os jogadores do Brasil estavam liberados para transar durante os seus momentos de folga na competição. Já o técnico da seleção alemã, Joachim Löw proibiu os atuais campeões da competição máxima do futebol de ter contato com os prazeres que um bom sexo pode proporcionar. Um sacrifício visando manter o foco total para conquistar novamente o caneco.

Histórico contradiz estratégia de celibato alemã.

Um levantamento realizado recentemente pelo site Vip mostra que as seleções que usaram a politica de restrição do sexo para seus jogadores durante a Copa do Mundo do Brasil, em 2014, não foram muito longe na competição. Entre essas seleções estavam Bósnia, Rússia, Chile e México. Uma curiosidade: na Copa passada, a Alemanha havia permitido que seus jogadores pudessem transar.

Seleção Alemã impedida de de fazer sexo durante a Copa do Mundo

 

Sexo liberado e caneco na mão?

Agora é só torcer para que a estratégia de Tite tenha resultado para que a Seleção Brasileira consiga conquistar o tão sonhado Hexa.

Jogadores brasileiros estão liberados para fazer sexo durante a Copa do Mundo

 

E você? Também acha que o técnico Tite acertou na estratégia? Comente!

 

Leia também:

Conheça a calcinha que vibra quando acontece um gol na Copa do Mundo. 

Confira o gel pra sexo oral inspirado na Seleção Brasileira.

Comentários

Deixe um comentário