Sexting: você já ouviu falar? Apimente sua relação com a prática!

Sexting: você já ouviu falar? Apimente sua relação com a prática!

O avanço das tecnologias móveis, o sexo virtual que antes limitado ao envio de mensagens de textos, evoluiu para o envio de vídeos e fotos com conteúdo erótico entre casais e parceiros e parceiras.

 

O sexting é a prática de enviar imagens sensuais por meio de aplicativos de mensagens instantâneas.

 

O nome sexting é baseado em uma junção de palavras, oriundas de sex do sexo +  ting sufixo de texting, exatamente por essa histórica do sexo por mensagens de texto.

 

A internet nos oferece a possibilidade de nos comunicarmos e trocarmos informações, filmes e fotos com tamanha rapidez que se crê que tudo desaparecerá em instantes. Porém, é exatamente o oposto que ocorre. Na internet (salvo alguns casos) tudo deixa rastros e pode se tornar público instantaneamente.

 

A expressão “manda nudes” virou febre no mundo virtual. Com tantos aplicativos disponíveis, como o Whatsapp e o Snapchat, o número de imagens enviadas é cada vez maior.

 

Casais que trocam imagens sexualmente sugestivas ou explícitas pelo smartphone, prática conhecida como “sexting”, fazem sexo de melhor qualidade, revelou um estudo apresentado em uma convenção de psicologia em Toronto.

 

Sexting: você já ouviu falar? Apimente sua relação com a prática!
Sexting: você já ouviu falar? Apimente sua relação com a prática!

 

Assim que surgiu a expressão “frexting“, união das palavras friend (amigo) e texting. Ou seja, envio de nudes somente para amigos mais íntimos.

 


Hot Pepper Sex Shop

O frexting defende que mostrar-se intimamente para pessoas mais próximas é uma forma de aumentar a auto-estima. Para quem pratica sexting, quanto menos produzida e mais amadora for a imagem, melhor será.

 

Sexting - Como provocar seu parceiro pelo telefone
Sexting – Como provocar seu parceiro pelo telefone

 

 

Você pode fazer provocações menos ousadas.

Que tal mandar mensagens picantes pelo WhatsApp durante o dia para o gato?

“Hoje vou chegar em casa sem calcinha” ou “Me espere em casa de banho tomado só de cuecas no quarto”

Já pensou como ele vai passar o resto do dia no escritório?

 

 

Mas todo cuidado é pouco na prática do Sexting!

O Sexting é uma prática bastante polêmica, principalmente em função de imagens vazadas e publicadas por outras pessoas, causando ataques de bullying que podem levar até mesmo a suicídios.

Armazene imagens com senha

Seja na nuvem ou em aplicativos que trancam documentos, o ideal é proteger fotos sensuais com senha e evitar criar cópias físicas em discos ou pendrives, os quais podem ser facilmente perdidos ou furtados.

Evite Wi-Fi público na prática do sexting

Redes de wi-fi disponíveis em estabelecimentos, parques e no transporte público podem ser armadilhas tentadoras para hackers coletarem dados. Para evitar esse mal, apenas conecte-se em redes conhecidas e confiáveis.

 

Nunca divulgue suas senhas

Há quem não tome cuidado suficiente com senhas de computador, celular ou redes sociais e acabe dando margem para que criminosos acessem seus dispositivos.

Esse código deve ser criado com um padrão que só você sabe e nunca deve ser salvo automaticamente em dispositivos eletrônicos.

Outro cuidado é gerar uma senha para cada conta digital, assim todas não são comprometidas em caso de invasão por pessoas mal intencionadas.

 

 

Transfira dados antes de vender ou consertar

Lembre-se de transferir dados para outro aparelho antes de vender ou enviar seu dispositivo para assistência técnica, assim você não corre o risco que pessoas com má intenção divulguem suas fotos.

 

E você, já enviou ou trocou nudes com alguém?

 

 

Comentários

1 comentário sobre “Sexting: você já ouviu falar? Apimente sua relação com a prática!

Deixe um comentário